Finais fatais

Muitos finais são oriundos de golpes ou pressão posicional vista por bons jogadores que tem treino suficiente para não disperdiçar a oportunidade.

No exemplo, a posição foi vista 9 lances futuros. Voltemos à lógica de como pensam os mestres:
1 - Após fazer damas, as negras não podem deixar a dama branca ir para a diagonal 5-41 para atacar e ganhar a peça negra em 32. para isso é necessário se antecipar e jogar 3...13-19.
2 - Então a dama branca deve impedir a passagem do bloco de peças em 7, 8, 12 e 17. para isso é necessário fechar a diagonal 4-36 e deverá jogar a dama no lance 4.03-09.
3 - Isso possibilitará as negras efetuar a tomada da dama sacrificando 4 peças usando a lei da maioria, só que a peça que toma a dama cai na 9ª casa.
4 - As brancas podem trocar e pousar uma peça na 3ª casa. Sendo a vez das negras jogarem as brancas ganham a oposição na ala esquerda.
5 - Se as negras jogam ...24-28, as brancas fazem a troca. Entretanto, não tem lógica deixar a peça branca em 25 sem marcação. Então problema resolvido na ala direita.

A isso nós chamamos de finais de jogo considerado pela maioria dos damistas de domínio mais difícil no estudo de jogo de damas.


1.27-21 16x29 2.39-34 23x32 3.34x03 13-19 4.03-09 12-18 5.09x13 19x08 (Aqui inicia a final vista no primeiro lance.)
6.42-37 32x41 7.47x36 08-13 8.36-31 13-19 9.31-27 19-23 10.27-22 23-29 11.25-20 24x15 12.40-34 29x40 13.45x34...

Foi uma final relativamente fácil em vista de maioria de peças mas que pode enganar. Se as brancas pressionarem a peça 24 jogando 8.40-34, simplesmente o empate está garantido. Então, por mais simples que pareça e por mais peça que se tenha a mais, final será sempre final.



As negras atacaram a peça branca crendo estar em posição de empate. Como você ganharia este jogo? (Jogam as brancas e vencem.)


Este final é mais um dos finais clássicos e que deve ser de conhecimento obrigatório para quem quer evoluir no jogo de damas.

Entenda que o ponto chave aqui é matar a dama negra, caso não seja possível evitar o seu nascimento, posicionando as peças brancas de maneira tal que a possa matar... assim que nascer.

o movimento 25-30 parece atender nossa necessidade além de possibilitar a "pucheta" da peça negra para dama desta maneira:

1.25-30 31-37 2.47-41 37x46 3.30-19 38-43 4.19-05 46x19 5.05x49

Caso as negras tentem destruir este tema da puxada à dama para conduzir ao empate teórico de 3x1, teremos que engrenar a primeira idéia, morte à dama assim que nascer:

1.25-30 38-42 2.47x38 31-36 3.30-39 36-41 4.39-06 41-47 (Se 41-46 as negras respondem 06-28) 5.06-01

Agora resolva uma bateria de finais fatais escolhidas exclusivamente para você que nos dá sua audiência e quer aprender este maravilhoso esporte mental que é o jogo de damas.

Lembre-se que a única maneira de desenvolver sua técnica é forçar a análise. Evite o botão vermelho. Use-o apenas para confirmar a solução.

Campeões mundiais e brasileiros, bons jogadores, só evoluiram porque sabem que os livros e programas são suportes poderosos mas, nosso grande pilar, é o cérebro disciplinado.

Se as escolas soubessem o quão é importante o jogo de damas para adultos e crianças, todas as escolas do Brasil já a teria adotado.






















Esta final pode ser simplificada entendendo seu mecanismo de posição terminal com peça branca em 34, dama em 33 e 38. Assim a posição fica terminal onde a dama preta estiver.

1.26-42 33-39 2.43x34 41-23 3.42-29 23-05 4.02-16 05-10 5.16-38...
Aqui se as pretas jogarem em 5, 14, ou 19 as brancas respondem 29-23. Se as pretas jogarem em 4, a resposta continua com 29-18.
5... 10-41 6.29-33 ... (posição terminal)
Aqui se as pretas jogarem para 41 ou 31 a resposta é 38-32 ou 38-27 respectivamente.
6... 41-47 7.34-30 25x34 8.33-15




Tática de perseguição


A maneira correta de perseguir uma dupla de peças no tabuleiro de 100 casas é empolgante e de complexidade profunda, porém, quando se domina a arte ninja de ataque às peças negras e articulação da dama branca, o aprendizado se torna cada vez mais fácil e a complexidade da perseguição passa a ser prazerosa

O princípio básico é deixar as peças dispersas e sob ataque na mesma diagonal. Para isso é preciso um trabalho matemático de tempo e espaço, pois, muitas vezes precisamos trabalhar na diagonal vizinha paralela às peças oponente para aguardar se o adversário irá dispersá-las ou defendê-las em bloco.

Uma característica desse modelo de final é que a peça oponente mais próxima das casas de coroação é a primeira a sucumbir. Isso chega a causar certa confusão e nervosismo em alguns jogadores que mesmo com a vitória nas mãos, quando percebem que a peça oponente mais avançada está a 3 ou 2 tempos de distancia de fazer dama, desesperam e acabam errando deixando a vitória escapar.

Além do explicado acima, outra característica de perseguição é a casa forte que chamamos "casa de artilharia" em função do seu tiro ao longo das diagonais. Por exemplo: A casa 18 é uma casa de artilharia em relação às casas 26 e 35 porque marca as duas peças que a estão ocupando.

Assim como uma peça pode marcar duas, uma dama pode marcar duas peças ao longo de diagonais transversais.

Quanto ao assunto oposição, temos por lei, se as peças estão em casas pares ou casas ímpares, brancas e pretas, perde quem joga. Quando as peças estão posicionadas uma na casa par e a peça oponente na casa ímpar (vice-versa), ganha quem joga. Então temos duas situações. A que estamos em casas diferentes vamos chamar de situação B. Quando esta situação existe em número par, não temos a oposição. Não se preocupe, vamos mostrar na prática.

mostraremos todos os princípios na prática.




Aqui, a dama branca marca 3 peças. Sendo a vez das negras jogarem o ganho está garantido. Por exemplo:

1. ... 06-11 2.02x16 25-30 3.16-43 30-35 4.43-34 01-06 5.34-07... E a casa 07 é nossa casa forte, da vitória, que marca duas peças. É a casa vencedora da artilharia.
Caso as negras jogassem... 1. ... 06-11
2.02x16 25-30 3.16-43 30-35 4.43-34 06-11 5.49-44 11-16 6.44-49 ... Agora 49 é a casa forte da artilharia.




Temos uma situação de oposição a favor das brancas. Observe que uma das peças branca ocupa a 5ª casa (30) e a preta ocupa a 8ª casa (15). Uma casa ímpar e uma casa par. Existe uma situação "B" como visto acima.

Portanto, o destino conspira a favor das brancas.

1.30-25 13-19 2. 43-39 19-24 3. 25-20 24-30 4. 20-14 30-35 5. 39-34 ...
Alguns damistas conhecem este tema como marcação dupla.




Mais uma marcação dupla e zero (0) ocorrência da situação "B". Quem joga deve perder.
1. ... 17-22 2. 27x18 19-23 3. 29-24 23x12
A 6ª casa vence a 8ª.
4. 24-19 12-18 5. 19-14 18-23 6. 14-09 23-29 7. 09-03 29-33 8. 03-25 33-38 9. 25-48 ... .




O mecanismo de perseguição às peças negras está explicado neste link.

1. 15-20 32-37 (Lance de tempo das brancas e dispersão das negras).
2. 20-14 23-29 (Ataque na diagonal e captura de peça).
3. 14x46 29-33 4. 46-32 33-39 5. 32-49 ... (Cercamento).
1. 15-20 23-28 (Lance de tempo das brancas e defesa em bloco das negras).
2. 20-42 32-37 (Cercamento na diagonal paralela e captura de peça).
3. 42x31 28-33 4. 31-27 33-39 5. 27-49 (Cercamento final).

Esta é a teoria para todas as perseguições à duas peças negras ou mais. O que muda são as direções, diagonais, tempos, mas o princípio é o mesmo. Vamos ver mais 5 exemplos originados de uma mesma posição para melhor entendimento.



Usando a tática de artilharia.
1... 14-20 2.08-02 20-25 3.02-19 06-11 4.19-28 11-16 5.28-32 25-30 6.32-43 30-35 7.43-49
1. ... 14-19 2.08-03 19-24 3.03-08 24-29 4.08-17 29-34 5.17-44
1. ... 06-11 2.08-03 14-19 3.03-08 19-23 4.08-24 11-16 5.24-38 23-28 6.38-49 28-33 7.49-43

Usando a tática de dispersão.
1. ... 06-11 2.08-03 14-19 3.03-08 19-23 4.08-24 23-28 5.24-38 11-17 6.38-16 28-33 7.16-43 17-22 8.43-16
1. ... 06-11 2.08-03 14-19 3.03-08 19-23 4.08-24 11-17 5.24-08 17-22 6.08-13 22-28 7.13-24 28-32 8.24-15

Acho que os exemplos bem esclarece como perseguir a dupla dinâmica das peças. agora é só praticar e guardar os princípios ensinados lembrando sempre de todas as técnicas para não se prender a uma só.


Resolva as finais abaixo. Clik no botão para passar. Click no botão vermelho para ver as respostas.


Evite olhar a solução. Tente resolver por sí mesmo.

Não se preocupe com o tempo, ele não existe. Tente resolver mesmo que demore minutos, horas ou dias.

Lembre-se: A cada solução encontrada... um grupo de neorônios anima/reanima seu cérebro.

  • Final 01/24
  • Final 02/24
  • Final 03/24
  • Final 04/24
  • Final 05/24
  • Final 06/24
  • Final 07/24
  • Final 08/24
  • Final 09/24
  • Final 10/24
  • Final 11/24
  • Final 12/24
  • Final 13/24
  • Final 14/24
  • Final 15/24
  • Final 16/24
  • Final 17/24
  • Final 18/24
  • Final 19/24
  • Final 20/24
  • Final 21/24
  • Final 22/24
  • Final 23/24
  • Final 24/24